April 12, 2011

CAMPEONATO MUNDIAL DE WAKEBOARD, 2ª etapa do calendário 2011 da WWS

De 13 a 15 de maio, pelo terceiro ano consecutivo, o Brasil sedia uma etapa do Wakeboard World Series, principal circuito profissional de wakeboard. A realização do Mundial no Brasil fica a cargo da Ragga, desde 2009, juntamente com a Associação Brasileira de Wakeboard (ABW) e World Wakeboard Association (WWA).

A presença dos principais wakeboarders do mundo já está garantida. Serão, ao menos, 12 brasileiros e 12 estrangeiros, competindo na categoria Pro, no Clube Serra da Moeda, em Nova Lima, cidade vizinha à capital mineira. Serão distribuídos 20 mil dólares em premiação para os oito primeiros colocados, sendo 6 mil para o vencedor. A expectativa é alta para ver as manobras de Harley Clifford, campeão geral e da etapa brasileira de 2010, favorito, também, ao título deste ano.

O Brasil será a segunda parada do campeonato. A primeira foi realizada em Valle de Bravo, México, em março, também pela Ragga – em sua estreia na organização de eventos esportivos internacionais. Depois de Nova Lima, a parada seguinte será realizada em Collingwood, no Canadá, em agosto.

Novidades Considerada pelos próprios atletas a melhor etapa do circuito, o Campeonato Mundial de Wakeboard 2011 terá o privilégio de estrear um obstáculo inédito nas competições: trata-se de um slider de 27m de comprimento com dois níveis de altura, o Step Up, possibilitando manobras inovadoras. “As lanchas da marca americana Moomba passam a ser os barcos oficiais do mundial, também prometendo melhores condições técnicas para o espetáculo”, adianta Mário “Marito” Manzoli, diretor técnico do campeonato.

Outra novidade é à entrada da Quiksilver, uma das mais importantes marcas de boardsports do mundo, como patrocinadora oficial do evento. “A parceria com essa marca tão importante para a cultura do esporte mundial mostra a força do evento e que estamos no caminho certo”, garante Bruno Dib, diretor de comercialização e marketing da Ragga.

Para Rogério Boccuzzi, MKT da Quiksilver, é de extrema importância o apoio a este, que, com certeza, é o maior e principal evento de wakeboard do país. “A missão da Quiksilver é difundir todos os esportes praticados com prancha. Acreditamos que esta seja uma grande oportunidade, especialmente por acontecer em Minas Gerais e por ser realizado pela Ragga, veículo de máxima importância na geração de conteúdo e que sempre colaborou de maneira muito satisfatória com esportes de ação como um todo”, afirma.

Além da Quiksilver, a Roxy e a DC também marcam presença no Campeonato Mundial de Wakeboard com ativações que devem interagir o público presente no evento.

Mais Informações:

adriana@tropicocomunicacao.com

Comments